Anderson Silva admite pressão por vitória no UFC em Curitiba e descarta busca por cinturão

0
367

Sem vencer desde 2012, Spider tenta recuperação neste sábado, contra Uriah Hall

Ex-campeão do peso médio, Anderson Silva volta ao octógono neste sábado, diante de Uriah Hall, no card principal do UFC 198, em Curitiba, em busca de recuperação na carreira. O ‘Spider’ não vence desde outubro de 2012, quando bateu Stephan Bonnar no Rio de Janeiro – na sequência, perdeu o título para Chris Weidman, sofreu fratura na perna esquerda, superou Nick Diaz, mas teve o resultado cancelado devido a caso de doping, e recentemente, acabou derrotado por Michael Bisping. Apesar do momento irregular, Anderson ressalta a trajetória de sucesso nas artes marciais mistas e revela que não tem o cinturão como objetivo.

“Minha meta dentro da luta é me superar e ser feliz. Não é superar ninguém, não estou em busca de cinturão. Acho que tem tantos outros atletas nessa busca incansável. E na minha carreira eu nunca busquei isso. Eu nunca quis buscar o cinturão, as coisas foram acontecendo porque eu sempre fiz com verdade e com carinho. Então é deixar acontecer como sempre foi”, declarou o paulista radicado em Curitiba, em vídeo promocional divulgado pelo UFC às vésperas do evento na Arena da Baixada.

Anderson Silva também destacou a sensação especial por lutar em Curitiba, cidade em que se mudou aos quatro anos de idade e iniciou carreira no mundo das lutas. O ex-campeão, no entanto, acredita que o fato de competir em casa, com apoio de 45 mil fãs, trará uma pressão ainda maior pela vitória.

“É bacana poder voltar a lutar aqui no Brasil, principalmente em um estádio. Era algo que estava faltando na minha carreira. Estou contente em fazer parte deste card. Você tem um pouco mais de apoio da torcida brasileira, mas a pressão também aumenta”, comentou.

UFC 198

14 de maio
Arena da Baixada, em Curitiba

Card principal
Fabricio Werdum x Stipe Miocic – pelo cinturão peso pesado
Ronaldo Jacaré x Vitor Belfort
Anderson Silva x Uriah Hall
Cris Cyborg x Leslie Smith
Mauricio Shogun x Corey Anderson

Card preliminar
Demian Maia x Matt Brown
Rogério Minotouro x Patrick Cummins
John Lineker x Rob Font
Thiago Marreta x Nate Marquardt
Warlley Alves x Bryan Barberena
Francisco Massaranduba x Yancy Medeiros
Serginho Moraes x Luan Chagas
Renato Moicano x Zubaira Tukhugov