Atleta de Aparecida é convocado para treinar com seleção olímpica de taekwondo

Patrik Cardoso, 22 anos, vai participar em janeiro de um período de treinamentos visando uma vaga nos Jogos Olímpicos de Paris

Da Redação
04/01/2024 - 19:32
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Atleta de Aparecida é convocado para treinar com seleção olímpica de taekwondo

Patrick Cardoso treina no Estação Cidadania-Esporte e também coleciona títulos importantes no taekwondo/Foto: Claudivino Antunes

Os organizadores das Olimpíadas de Paris 2024, que/ serão disputadas entre os próximos dias 26 de julho e 11 de agosto, estimam a participação de mais de dez mil atletas de cerca de 200 nacionalidades.

Um deles poderá ser de Aparecida de Goiânia. Patrik Cardoso, 22 anos, é multicampeão de taekwondo e foi convocado na quarta-feira (3) para treinar com a equipe olímpica brasileira da modalidade.

Além de Patrik, o técnico Edgar Guimarães também foi convocado pela Confederação Brasileira de Taekwondo (CBTKD) e estará com a seleção, no Rio de Janeiro, entre os dias 15 e 27 de janeiro. Os dois trabalham juntos há sete anos e atualmente treinam no Estação Esporte-Cidadania, no Parque Trindade I. O complexo esportivo é mantido pela Prefeitura de Aparecida de Goiânia.

“Começar o ano com essa boa notícia relacionada ao esporte nos enche de orgulho. Investimento em várias modalidades e colhemos muitos frutos porque nossos atletas têm orgulho de representar nossa cidade. Estamos todos na torcida para que o Patrik seja convocado”, disse o prefeito Vilmar Mariano.

Patrik lidera o ranking nacional na categoria acima de 80 quilos. Porém, outros atletas brasileiros estão melhores colocados no ranking internacional.

Ele sabe que o período de treinamentos com a seleção será fundamental para escolha dos convocados e, por isso, vai se dedicar ao máximo para integrar a delegação nas Olímpiadas de Paris.

“O Maicon Andrade, por exemplo, tem mais pontos no ranking internacional e pode ser o cotado como titular para a olimpíada. Dependendo do meu desempenho, posso ser convocado como o reserva dele para Paris. Porém, tudo pode acontecer durante a preparação. Vou com foco total para tentar a titularidade”, explica o atleta.

Patrik acrescenta que o treinamento de campo contará com atletas experientes e todos têm chance.

“Será um camping de treinamento olímpico e a maioria dos atletas são titular ou reserva da seleção brasileira. Vou entregar o máximo nos treinos físicos e táticos e estou confiante que irei me destacar”.

Atleta de Aparecida de Goiânia

Preparação de Patrik Cardoso incluiu treinos físicos e técnicos cinco vezes por semana/Foto: Arquivo pessoal

O técnico Edgar Guimarães destaca as qualidades e potencialidades do atleta.

“Ele é jovem, tem dois metros de altura e é fisicamente muito forte. Sabemos que o Maicon Andrade, que foi medalhe de bronze nos Jogos Olímpicos do Rio 2016, é o principal atleta. Porém, vamos treinar bem para impressionarmos a confederação e conseguirmos a vaga”, afirma.

Preparação

Para figurar entre os melhores do Brasil, Patrik treina cinco vezes por semana. A preparação tática é realizada no Estação Esporte-Cidadania de segunda a sexta-feira no período vespertino.

“A estrutura é extremamente importante para o atleta de alto rendimento que precisa de um espaço adequado para praticar sua modalidade esportiva”.

Ele também treina a parte física três vezes por semana.

Títulos de Patrick:

  • Bronze no Mundial Júnior
  • Tricampeão da Copa do Brasil
  • Campeão do Super Brasileiro Júnior
  • Medalha de prata no Espanha Open
  • Campeão do Argentina Open
  • Bronze no Pan-Americano Júnior
  • Bronze no Open da Croácia

Aparecida Compete

Patrik é beneficiário do Aparecida Compete, programa de incentivo ao esporte criado pela Prefeitura de Aparecida de Goiânia que assegura recurso financeiro para inscrição, transporte, hospedagem e alimentação de atletas de alto rendimento em competições regionais, nacionais e internacionais mediante prestação de contas, conforme a Legislação Municipal.

“Com essa iniciativa, os atletas de mais de 20 modalidades representam nossa cidade em várias partes do mundo. Já tivemos, por exemplo, atletas no Chile, Estados Unidos, Azerbaijão, Espanha e tantos outros países. Antes, eles conquistavam vagas em competições internacionais, mas nem sempre participação porque não tinha recurso. Era uma correria imensa com realização de vaquinha ou até mesmo rifas. Hoje, eles têm apoio da administração municipal, que incentiva o esporte, e colhe os frutos com títulos de grande relevância”, sublinha o secretário de Esporte, Gerfeson Aragão.