Autódromo de Goiânia passa por reformas

Revitalização do autódromo marca a segunda parceria estabelecida entre a Secretaria de Esporte e Lazer e a DGPP este ano

Da Redação
21/06/2024 - 06:29
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Autódromo de Goiânia passa por reformas

Depois das reformas no Estádio Serra Dourada e do Parque de Exposições de Goiânia, a mão de obra carcerária está revitalizando parte do Autódromo Internacional de Goiânia Ayrton Senna. Em parceria com a Secretaria de Esporte e Lazer (Seel), 35 custodiados da Polícia Penal trabalham na manutenção e pintura da praça esportiva.

Os trabalhos, que fazem parte dos preparativos para as comemorações dos 50 anos do autódromo, que será em julho, vão até o próximo dia 29.

“É uma determinação do governador Ronaldo Caiado que os órgãos do governo trabalhem em parceria e tivemos uma ótima experiência com a DGPP nos trabalhos no Serra Dourada, por isso estendemos ao Autódromo. É uma ação que gera economia aos cofres públicos e, ao mesmo tempo, oferece uma oportunidade de reintegração social aos reeducandos. Certamente ampliaremos esta parceria para outras praças esportivas do Estado de Goiás”, destacou Rudson Guerra, secretário de Esporte e Lazer.

AUTÓDROMO OBRAS

Sob a vigilância de policiais penais, os apenados estão revitalizando as grades ao longo da pista, muretas de proteção, boxes e demais espaços internos. Além da remuneração pecuniária, os custodiados têm direito à remição da pena – a cada três dias de trabalho, um dia da pena é reduzida.

“A Polícia Penal de Goiás empenha pela efetiva ressocialização dos custodiados. E o trabalho é um dos melhores caminhos para alcançar a reintegração social dos reeducandos”, afirma o diretor-geral da Polícia Penal, Josimar Pires.

PARCERIA

A revitalização do autódromo marca a segunda parceria estabelecida entre a Secretaria de Esporte e Lazer e a DGPP este ano. Em maio deste ano, 20 reeducandos trabalharam na pintura externa e interna do Estádio Serra Dourada.

Em 2023, a DGPP entregou 100 bancos de madeira para o espaço ecumênico do Serra Dourada e bancadas de madeira para as cabines de imprensa. Os itens foram produzidos por custodiados que trabalham na Seção Industrial do Complexo Prisional, em Aparecida de Goiânia.

Em maio, a mão de obra carcerária revitalizou os estandes do Parque de Exposições. Por meio de Parceria da DGPP com a Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA), 11 reeducandos trabalharam na parte da limpeza do parque, serviços gerais e pintura dos estandes durante duas semanas.