Brasil já “clonou” computadores da Apple

Modelos como o CP 400 e o MC 4000 Exato estão em exposição no Museu de Computação – Foto: Divulgação/ICMC

Da Redação
27/08/2023 - 11:32
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Brasil já “clonou” computadores da Apple

No Museu de Computação do Instituto de Ciências e Matemáticas e de Computação da USP em São Carlos estão em exposição dois modelos inspirados em computadores da Aplle, o MC 4000 Exato e Unitron AP II

Após o ano de 1980, o Brasil da ditadura militar impôs a Reserva de Mercado, uma tentativa de impulsionar a indústria brasileira, recusando as tecnologias externas. Diante dessa realidade, muitos clones de computadores começaram a surgir. Alguns deles podem ser vistos na exposição Ataque dos Clones, que foi inaugurada na última terça-feira, dia 22 de agosto, no Museu de Computação Professor Odelar Leite Linhares, do Instituto de Ciências e Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP em São Carlos. 

São computadores que foram inspirados em outros que já haviam sido criados no exterior. Um desses clones foi o MC 4000 Exato, conhecido também por “Exato”. Ele foi um microcomputador de uso pessoal e profissional inspirado no Apple II Plus, podendo ser personalizado através da programação em Basic e apresentando total compatibilidade com aplicações desenvolvidas para sua inspiração. Produzido pela empresa brasileira CCE no início da década de 1980 na Zona Franca de Manaus (AM), foi lançado em meados de 1985.

Outro exemplo foi o Unitron AP II, um microcomputador versátil, que podia ser usado para aplicações pessoais e profissionais. Ele foi feito baseado no Apple II, usando o mesmo sistema operacional (Apple Dos 3.3). Além disso, era possível personalizá-lo com a linguagem Basic. O Unitron AP II foi desenvolvido no Brasil pela empresa Unitron na década de 80, sendo lançado em 1982.

CP 200 foi outro computador brasileiro inspirado em modelos estrangeiros – Foto: Divulgação/ICMC

.
O Museu de Computação Prof. Odelar Leite Linhares do ICMC fica na Avenida Trabalhador São-Carlense 400, Centro, São Carlos. Excepcionalmente em agosto, o horário de funcionamento para visitação é às segundas, terças, quintas e sextas, das 9h às 12h e das 13h às 17h; e quartas, das 9h às 10h e das 13h às 17h. Gratuito. Mais informações no site do Museu de Computação ou no Facebook.

Clique neste link e confira um vídeo sobre a exposição.

O universo dos números

Também está em cartaz a exposição virtual Todas as Coisas são Números. Desenvolvida por estudantes da graduação para a matéria de História da Computação, a mostra reúne seis trabalhos, em que é possível conhecer mais sobre o ábaco japonês, os Ossos de Napier e a régua de cálculo, explorando as antigas técnicas de contagem até as calculadoras eletrônicas.

Fonte: Jornal da USP