Carrie Fisher, a Princesa Leia de Star Wars, morre aos 60 anos

0
439

A atriz Carrie Fisher, conhecida por interpretar a Princesa Leia Organa da saga Star Wars, morreu ontem (27) de ataque cardíaco aos 60 anos. Um porta-voz da família, Simon Halls, deu a notícia à revista norte-americana People. “É com grande pesar que Billie Lourd confirma que sua amada mãe, Carrie Fisher, morreu às 8h55 desta manhã. Ela era amada pelo mundo e sua ausência será profundamente sentida. Nossa família agradece pelos pensamentos e orações”, declarou.

No dia 23 de dezembro, a atriz sofreu uma parada cardíaca dentro de um avião enquanto voava de Londres para Los Angeles. Carrie foi internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do UCLA Medical Center, em Los Angeles, onde recebeu tratamentos até sua morte.

Carrie Fisher tinha apenas 19 anos quando o primeiro filme da saga Star Wars foi filmado. A Princesa Leia era uma das personagens mais queridas dos fãs do clássico de ficção científica. A atriz participou de todos os filmes da trilogia original dirigida por George Lucas e voltou a estrelar os longas da nova fase: Episódio VII: Despertar da Força, de 2015, e Episódio VIII, com estreia prevista para o fim de 2017. A heroína faz também uma aparição em Rogue One: Uma História Star Wars, que chegou aos cinemas em dezembro deste ano.

Além de atuar, Carrie também trabalhou como escritora e roteirista. Ela estava a caminho de Los Angeles para o lançamento de seu livro de memórias, The princess diarist. Na obra, a atriz detalha a experiência de ter trabalhado na série Star Wars e seu breve caso com Harrison Ford, Han Solo nos filmes. Segundo ela, o romance durou três meses.