Dicas e truques para parecer mais jovem

0
474

Nada de botox, preenchimentos ou cirurgias plásticas: especialistas ensinam como usar a maquiagem e a modelagem dos cabelos para conquistar uma aparência mais jovial

Madonna surgiu no baile de gala do MET deste ano parecendo mais jovem do que no final do ano passado. O rosto da chef de cozinha e apresentadora de TV Nigella Lawson hoje tem um aspecto mais novo do que em 2013, ano da visita dela ao Brasil. Quando está toda produzida em eventos, a atriz Courteney Cox sempre aparenta ter menos idade do que nas ocasiões em que é fotografada de cara lavada.

O segredo delas e de outras famosas – e anônimas, talvez você conheça alguma – não está em plásticas, botox nem em preenchimentos com ácidos mil, mas nas maquiagens bem-feitas e nos cabelos planejados para rejuvenescê-las.

“A pele saudável, preparada e corrigida com os produtos certos já é um primeiro passo importante para conseguir um efeito de juventude”, afirma a maquiadora Vanessa Rozan, criadora do Liceu de Maquiagem.

Os cuidados com os cabelos também fazem toda a diferença para quem quer uma aparência jovial.

“Se estiverem bonitos e bem cuidados, com cortes leves e colorações que favoreçam o biotipo, os cabelos tiram alguns anos do rosto, sem dúvida”, garante a hairstylist Claudia Meurer, do centro de beleza Visual Hair Design.

O visagista Leandro Pires, do salão Fizz Cabelo e Imagem, acrescenta o autoconhecimento ao caminho para o sucesso nesse sentido:

“A primeira coisa é descobrir o lado mais alto e o mais baixo da face, analisando os cantos externos dos olhos e dos lábios e o maxilar. O lado mais baixo é o mais cansado e envelhecido, então os cabelos devem ser divididos e a franja deve ser colocada para este lado, deixando totalmente à mostra o lado mais alto e jovem”.

Feito isso, Claudia, Leandro e Vanessa dão dicas pontuais, que podem ser aplicadas em casa ou com a ajuda de profissionais, para conquistar um visual mais jovem. Mãos à obra!

ROSTO

Na pele:

Antes de começar a maquiagem, aplique primers específicos: um para o rosto (testa, nariz, bochechas e queixo), um para a região dos olhos e um para os lábios. Elesamenizam as linhas de expressão e dão à pele um aspecto mais liso e uniforme, característico da juventude.

Prefira bases cremosas ou BB creamspara igualar o tom da pele – eles não marcam as linhas de expressão que possam ter sobrado após o primer. Evite o pó compacto ou passe bem pouco dele, com um pincel, nos pontos de maior oleosidade do rosto (queixo, nariz e testa).

Nos olhos:

Como os cílios tentem a perder comprimento e volume com o passar dos anos, recorra aos cílios postiços para compensar. O ideal é usar modelos em tufos (não os de peça única) da metade da pálpebra superior para fora, porque isso levanta o olhar.

Lápis e máscara de cílios devem ser à prova d’água e o delineador, em gel. Eles evitam borrões causados pelas pálpebras caídas. Assim como os cílios postiços, devem ser aplicados da metade da pálpebra para fora.

 Sobrancelhas ralas ou com falhas podem ser corrigidas com micropigmentação. Bem modeladas, elas dão jovialidade ao olhar.

Evite sombras escuras, que fecham e cansam o olhar. A melhor opção para colorir as pálpebras são os iluminadores cremosos com pouco brilho – as versões em pó marcam as linhas de expressão da pálpebra e dos cantos dos olhos.

Nas bochechas:

Aplique o blush na parte frontal do rosto, em movimentos para cima com o pincel. Isso traz de volta a impressão de viço e saúde da juventude.

BOCA

Como os lábios tendem a murchar e perder o formato com o passar dos anos, use um lápis da mesma cor do batom para desenhar as linhas superiores e inferiores. Mas não exagere: quem sempre teve lábios finos não pode querer uma boca de Angelina Jolie na marra. Fica forçado.

Aplique gloss no centro dos lábios superior e inferior. Isso dá a sensação de maior volume.

As cores quentes rejuvenescem. Por isso, escolha os batons em tons de vermelho, laranja, rosa e violeta. Evite os tons de marrom.

 CABELOS

Cores:

Tons mais claros iluminam o rosto, rejuvenescendo-o. Mas isso não significa precisar virar loira. A melhor alternativa é fazer luzes ou mechas loiras, acobreadas ou mesmo castanhas, desde que mais claras que a cor predominante dos cabelos.

Evite o preto total nos cabelos: a aparência fica muito fechada e envelhecida.

Cortes:

Franjinhas retas só servem para meninas ou jovens adultas. Mulheres maduras que querem parecer mais novas e manter uma franja emoldurando o rosto podem optar pelo franjão repicado diagonal.

Guia dos cortes de cabelo: escolha o seu!

Longos ou médios, os cabelos precisam de movimento para remeter à juventude. Por isso, não tenha medo de cortes repicados ou desfiados. Além do balanço, as pontas mais curtas na parte da frente escondem as linhas de expressão do pescoço e das laterais do rosto.

Penteados:

Sempre que fizer um rabo de cavalo ou um coque, deixe algumas mechas soltas na parte frontal. O motivo é o mesmo dos cortes repicados e desfiados: as pontas esconderão linhas de expressão do pescoço e das laterais do rosto.