Em Aparecida de Goiânia, robôs são usados para desentupir galerias pluviais

Ação preventiva é executada em locais apontados pela Defesa Civil; objetivo da ação é evitar alagamentos

Da Redação
30/11/2023 - 10:16
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Em Aparecida de Goiânia, robôs são usados para desentupir galerias pluviais

Ação preventiva é executada em locais apontados pela Defesa Civil; objetivo da ação é evitar alagamentos

Em Aparecida de Goiânia, as equipes que executam a limpeza de bocas de lobo e galerias pluviais são direcionadas aos locais previamente georreferenciados pelo levantamento da Defesa Civil, que identificou potencial de alagamento ou outros problemas causados pela obstrução das águas das chuvas. O serviço também identifica o lançamento irregular de esgoto nas galerias, rachaduras na estrutura e outras avarias.

Antes de iniciar a limpeza, a empresa realiza a vídeo inspeção das galerias. Para isso, é utilizado um robô equipado com câmera de alta definição. Enquanto o equipamento faz a vistoria, um técnico acompanha as imagens em tempo real para identificar acumulo de resíduos, que pode obstruir o esgotamento da água, rachaduras ou lançamento irregular de esgoto sanitário (gatos), que provoca contaminação do lençol freático e seus afluentes.

Imagens das galerias mostram antes e depois da limpeza realizada pelos hidrojatos de sucção (Fotos: Divulgação)

“É um serviço muito útil para nossa cidade. Vamos conseguir evitar alagamentos e acidentes graças ao trabalho preventivo que estamos realizando. Essa iniciativa é fruto de uma parceria de trabalho entre Defesa Civil, que identificou e classificou as áreas com potencial para alagamentos, e a Semma. O prefeito Vilmar Mariano não mediu esforços para que o município pudesse contar com esse importante trabalho”, aponta a secretária de Meio Ambiente, Valéria Pettersen.

Robô com câmera acoplada faz víde inspeção das galerias pluviais (Foto: Rodrigo Estrela/Arquivo/Secom)

Além do robô, que consegue identificar os problemas nas galerias pluviais, os caminhões da empresa também são equipados com um hidrojato sugador de alta pressão que consegue retirar qualquer tipo de resíduo solido como, por exemplo, pedras, raízes, garrafas plásticas, terra, carcaças de animais e outros.

Denúncia

Moradores podem informar à Semma sobre pontes de alagamentos na cidade. Uma equipe será enviada ao local, conforme a demanda, para verificar se o serviço de limpeza de bocas de lobo e galerias pluviais com o hidrojato de sucção é necessário naquele perímetro. Os telefones para contato são: 3545-6041 e 8471-5300 (WhatsApp).