Ipasgo muda a regra para pagamento de coparticipação

A alteração no processo de cobrança de coparticipação, uma das adequações necessárias depois da mudança na personalidade jurídica da instituição, em abril deste ano, abarca cerca de 67 mil beneficiários

Da Redação
26/12/2023 - 06:14
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Ipasgo muda a regra para pagamento de coparticipação

Desde a última sexta-feira (22), beneficiários com coparticipação do Ipasgo Saúde, por meio de guia de arrecadação bancária, têm até 20 dias, após o atendimento, para efetuar o pagamento do valor devido, pela porcentagem que incide sobre consultas e exames realizados.

O processo de cobrança que entra em vigor não altera as coparticipações que são pagas por meio de débito em conta. A mudança também não afeta o fluxo de atendimento dos prestadores, que devem manter a normalidade na prestação de serviço aos beneficiários do Ipasgo Saúde.

A alteração no processo de cobrança de coparticipação, uma das adequações necessárias depois da mudança na personalidade jurídica da instituição, em abril deste ano, abarca cerca de 67 mil beneficiários, que optaram por pagar a cota parte da despesa assistencial, no momento do atendimento médico, hospitalar ou odontológico.

COPARTICIPAÇÃO

Com a mudança, o Ipasgo Saúde disponibilizará aos beneficiários, em 24 horas depois do atendimento, boletos bancários que podem ser emitidos no Portal do Usuário, no site do Ipasgo Saúde; nos postos de atendimento localizados em todas as regiões do estado ou mesmo solicitado à Central de Teleatendimento, por meio do número 0800-621919.

Todos os boletos, independente da data em que forem gerados, vencem 20 dias depois da data de realização do atendimento.

A mudança também amplia o leque de instituições nas quais a coparticipação pode ser quitada. Até então, beneficiários que utilizam guias de arrecadação bancária só podem pagá-las em casas lotéricas, agências bancárias, internet banking e aplicativo da Caixa Econômica Federal (CEF).

Com a implantação do boleto, a partir de 22 de dezembro, é possível efetuar o pagamento em qualquer instituição bancária, inclusive em caixas eletrônicos e plataformas digitais.

“Nosso principal objetivo é priorizar a comodidade dos beneficiários, eliminando a necessidade de deslocamento para efetuar o pagamento das guias antes do atendimento. Mais uma vez, o Ipasgo Saúde cumpre o compromisso de aprimorar constantemente os serviços. Nossos esforços são para atender de forma cada vez mais eficiente e alinhada às necessidades dos beneficiários”, avalia o presidente do Ipasgo Saúde, José Orlando Ribeiro Cardoso.

Eventuais dúvidas sobre o assunto podem ser sanadas por meio da rede de relacionamento com os beneficiários: site e mídias sociais do Ipasgo Saúde; postos de atendimento em cidades do interior do Estado; Multiatendimento, na sede da instituição, em Goiânia; unidades Vapt Vupt e também pelo teleatendimento.