Oscar: Oppenheimer é o grande vencedor, com 7 estatuetas, Pobres criaturas recebe 4

Barbie concorreu em oito estatuetas, mas só levou o prêmio de Melhor Música para What I Was Made For, de Billie Eilish.

Da Redação
11/03/2024 - 07:56
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Oscar: Oppenheimer é o grande vencedor, com 7 estatuetas, Pobres criaturas recebe 4

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos escolheu’Oppenheimer’ como o grande vitorioso, com 7 troféus, e foi seguido de perto por ‘Pobres Criaturas’ com quatro prêmios.
A noite do Oscar rendeu protestos e surpresas. Apos 70 anos, com várias versões nas telas, Godzilla faturou o seu primeiro Oscar. O Menino e a Garça , último filme do Studio Ghibli, venceu o Oscar de Melhor Animação.

Barbie concorreu em oito estatuetas, mas só levou o prêmio de Melhor Música para What I Was Made For, de Billie Eilish.

Protesto
Vários atores e atrizes fizeram uma manifestação política de protesto pedindo um cessar-fogo do conflito entre Israel e Palestina. Usando um broche vermelho, famosos como Mark Ruffalo e Billie Eilish deixaram claro que são a favor do fim da guerra no Oriente Médio.

A Ucrânia levou o seu primeiro Oscar, pelo documentário ’20 Dias em Mariupol’, e o cineasta Mstyslav Chernov fez um discurso emocionante e contundente.

Durante seu agradecimento, ele disse que preferia não ter a vitória, em troca de não ver seu país atacado pela Rússia. O documentário acompanhouum grupo de jornalistas durante 20 dias de ataque à cidade industrial Mariupol, que fica na fronteira entre os dois países e é um território de imenso conflito.

 

Confira os ganhadores:

Melhor filme

  • Oppenheimer, de Christopher Nolan

Melhor atriz

  • Emma Stone – Pobres Criaturas

Melhor direção

  • Christopher Nolan – Oppenheimer

Melhor ator

  • Cillian Murphy – Oppenheimer

Melhor canção original

  • ‘What Was I Made For?’, Billie Eilish e Finneas – Barbie

Melhor trilha sonora

  • Ludwig Göransson – Oppenheimer

Melhor som

  • Zona de interesse

Melhor curta-metragem

  • The Wonderful Story of Henry Sugar

Melhor fotografia

  • Hoyte van Hoytema – Oppenheimer

Melhor documentário

  • 20 dias em Mariupol

Melhor documentário em curta-metragem

  • The Last Repair Shop

Melhor montagem

  • Oppenheimer

Melhores efeitos visuais

  • Godzilla Minus One 

Melhor ator coadjuvante

  • Robert Downey Jr. – Oppenheimer

Melhor filme internacional

  • Zona de Interesse – Reino Unido

Melhor figurino

  • Holly Waddington – Pobres criaturas

Melhor direção de arte

  • Pobres criaturas

Melhor maquiagem e cabelo

  • Pobres criaturas

Melhor roteiro adaptado

  • Ficção americana

Melhor roteiro original

  • Anatomia de uma queda

Melhor animação

  • O menino e a garça

Melhor curta de animação

  • War Is Over! Inspired by the Music of John & Yoko

Melhor atriz coadjuvante

  • Da’Vine Joy Randolph – Os rejeitados

Estatuetas por filme:

  • Oppenheimer: 7 estatuetas de 13 indicações
  • Pobres Criaturas: 4 prêmios de 11 indicações
  • Zona de Interesse: 2 prêmios de 5 indicações
  • Barbie: 1 prêmio de 8 indicações
  • Os Rejeitados: 1 prêmio de 5 indicações
  • Anatomia de Uma Queda: 1 prêmio de 5 indicações
  • Ficção Americana: 1 prêmio de 5 indicações
  • Godzilla Minus One, O Menino e a Garça: 1 prêmio
  • 20 Dias em Mariupol: 1 prêmio
  • The Last Repair Shop: 1 prêmio
  • A Incrível História de Henry Sugar: 1 prêmio