Um dos principais opositores de Putin na Rússia, Alexey Navalny morre na prisão

Político estava preso desde 2021 e cumpria pena de 19 anos; 'se sentiu mal após caminhada', disseram autoridades

Da Redação
16/02/2024 - 14:17
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Um dos principais opositores de Putin na Rússia, Alexey Navalny morre na prisão

O político russo Alexei Navalny, principal nome da oposição ao presidente Vladimir Putin na Rússia, morreu nesta sexta-feira (16). A informação foi divulgada pelo departamento local do Serviço Penitenciário Federal.

“Em 16 de fevereiro de 2024, na colônia correcional nº 3, Alexey Navalny, depois de uma caminhada se sentiu mal, perdendo quase imediatamente a consciência. A equipe médica da instituição chegou imediatamente e uma equipe médica de emergência foi chamada. Todas as medidas de reanimação necessárias foram realizadas, mas não produziram resultados positivos. Médicos de emergência confirmaram a morte do condenado. As causas da morte estão sendo estabelecidas”, disse o órgão em comunicado.

O político de 47 anos estava preso desde janeiro de 2021, quando regressou à Rússia da Alemanha, após se recuperar de um envenenamento. Recentemente ele foi transferido para uma colônia de regime especial na vila de Kharp, no Círculo Polar Ártico.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, ao comentar a notícia, declarou que o presidente russo, Vladimir Putin, foi informado da morte de Navalny, e que o Serviço Penitenciário Federal está realizando todas as verificações sobre as causas da morte.

“Pelo que sabemos, agora, com todas as regras atuais, o serviço Penitenciário Federal está empenhado em todas as verificações, esclarecimentos e assim por diante. Nenhuma instrução é necessária aqui, porque há um certo conjunto de regras a esse respeito pelas quais o Serviço Penitenciário Federal.agora é guiado”, disse Peskov a repórteres.

Já o advogado de Alexey Navalny, Leonid Solovyov, declarou que o opositor russso foi visto pela última vez na quarta-feira (14) e, até então, “estava tudo bem”. “Por decisão da família de Alexey Navalny, não comento absolutamente nada. Agora estamos investigando”, disse o advogado.

Zelensky acusa Putin

Quem também se manifestou sobre a morte do líder oposicionista russo foi o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, que acusou Putin pela morte de Navalny.

“Acabou de se saber que Alexey Navalny morreu em uma prisão russa. Obviamente, ele foi morto por Putin, como milhares de outros que foram torturados por causa desta criatura”, afirmou Zelensky em comunicado.

“Putin não se importa com quem morre, desde que mantenha a sua posição. É por isso que você não deve preservar nada. Putin deve perder tudo e ser responsabilizado pelo que fez”, completou o presidente da Ucrânia.